Santa mantém tabu
Com a vitória por 2x0, sobre o novato Belo Jardim, tricolor chega ao 19º ano sem perder em estréias. É a maior invencibilidade entre os grandes. O gol do atacante Fabrício Ceará logo aos seis minutos do primeiro tempo deu aos 15.624 tricolores presentes ao Arruda a falsa impressão de que o Santa Cruz teria uma estréia fácil no Campeonato Pernambucano. Ledo engano. Com problemas de entrosamento e na parte física – comum em qualquer início de temporada, principalmente em uma equipe totalmente reformulada como a do tricolor – a vitória, por 2x0, sobre o debutante Belo Jardim, ontem, no Arruda, foi conquistada sobretudo na base da entrega dos jogadores.

Capa do Jornal do Commércio - 15/01/2007

Os gols da partida



Ficha do jogo

Santa Cruz
Anderson, Sidraílson, Adriano e Alex Pinho, Luís Paulo, Cleison, Jairo (Thiago Silva), Róbson Luiz (Élvis) e Badé, Marcelo Ramos (Roberval) e Fabrício Ceará.
Técnico: Givanildo Oliveira.

Belo Jardim
Vantuir, Fia, Eduardo (Douglas), Joécio e Alexandre Aguiar, Róbson, Thor, Renatinho (Preto) e Lourinho, Alex Pesqueira e Jean (Romildo).
Técnico: José Ivan.

Local: Arruda.
Árbitro: Niélson Nogueira Dias.
Assistentes: Alcides Lira e Pedro Wanderley.
Gols: Fabrício Ceará, aos 6 minutos do 1º tempo, e Badé, aos 39, do 2º tempo. 
Cartões amarelos: Fia, Joécio e Romildo (B) e Cleison (SC).
Público pagante: 14.585 (total 15.624).
Renda: R$ 89.555,00.
Preliminar: Santa Cruz 5x0 Belo Jardim (juniores)
Lembranças do jogo:

0 comentários :